quarta-feira

Cuidado!!


Acho que ninguém tem uma vida onde só existam dias coloridos como o arco-íris, onde só se ouvem os passarinhos a cantar e os sinos da igreja da aldeia a repicar.
Às vezes os dias são cinzentos e os únicos sons que se ouvem são as buzinas dos carros e o cão do vizinho a ladrar (ou o próprio vizinho!).

É por isso que gosto de me rodear de gente alegre, bem disposta de bem com a vida; com muito mimo, gargalhadas e abraços para dar.
É por isso que mesmo que esteja mal, mal, para lá de Bagdade, não perco as aulas de Zumba à terça à noite. Divirto-me como nunca (bem, tanto quanto à sexta às cinco, mas a terça à noite tem outro sabor), danço, canto - muito mal, já sei - e dou e recebo mimo, abracinhos e sorrisos com fartura.
Gosto da vibração que a sala tem quando se juntam pessoas com um único propósito: passar uma hora boa, num ritmo só nosso, sem as chatices da vida quotidiana.

E como já disse antes, encontrei nestas aulas verdadeiras pérolas em forma de gente, amigas  a quem quero bem, que me aquecem o coração e me fazem sentir querida também!
Preciso de alegria como de ar.

E a alegria é contagiosa! Cuidado!!

*
*

3 comentários:

gralha disse...

Então deixa-me já fugir daqui, que eu estimo muito o meu grinchismo pré-natalício.

Ana. disse...

Ahahaha! gralha! Viesses tu a uma aula de zumba comigo e lá se ia o grinchismo down the drain!!
(São também estas coisas que me mantêm viva, sabes? Tão prosaicas e tão boas!)
:)

Manuela Calheiros disse...

"Começar bem é preciso, viver também é preciso..." o teu texto recordou-me esta letra desta música, que, de certa forma, resume as tuas sábias palavras. A Zumba é uma forma de viver que nós precisamos... dançar, rir, afagar, conversar, gargalhar estes e outros verbos ajudam a sacudir Bagdad. Bjocas e 1,2,3 Zuuuumba.