sexta-feira

Vagueblogging - Cabe aqui tanta coisa

Google Image Result for http://www.slowfamilyonline.com/wordpress/wp-content/uploads/2012/01/awesome-hearts-in-nature-25.jpg




No primeiro dia custa muito.
Porque se achou que não devia ser assim; porque a notícia nos apanha desprevenidos; porque ainda não se entende bem, mas ainda se acha que é só um soluço, que terá uma resolução simples. Rápida e indolor.
Depois as informações começam a fazer efeito. As peças encaixam-se. Imaginam-se cenários - quase sempre maus. Continua-se com esperança, mas já há uma pontada de medo lá pelo meio.
Com o passar do tempo aceita-se melhor a situação, vemos que é pelo melhor, esperamos que por custar tanto agora talvez a recompensa final seja boa. E volta a esperança.

Os dias passam-se e o primeiro dia sem lágrimas é quase uma conquista.
Está tudo lá: o medo, a dor, a raiva, a culpa, a esperança e o amor.
O amor em todas as suas formas e intensidades.

Hoje, para mim, foi o primeiro dia sem lágrimas.
Um bom dia, portanto...

*
*


1 comentário:

gralha disse...

Um grande abraço, Ana. Mereces todos os dias sem lágrimas, espero que estejam no horizonte.