sexta-feira

Sai (mais) um analgésico para a mesa do canto...

headache, as I sit here wishing my 3:00 headaches would go away. They are daily and I HATE THEM




Acordei, pelo segundo dia consecutivo, com dor de cabeça.
E tinha um almoço marcado com as miúdas no Centro Comercial. Ainda estive para desmarcar, não me apetecia sequer vestir "roupa de sair à rua".
Mas depois achei que as duas horas que ia "gastar" no almoço não haviam de ser muito produtivas se aqui ficasse e se saísse de casa talvez, só talvez, a dor de cabeça amainasse e voltasse mais revigorada.
A dor de cabeça não amainou, mas fez-me bem sair, conversar e constatar, mais uma vez, que todas temos as nossas merdas, todas corremos incessantemente contra o tempo, todas queremos fazer o melhor que podemos.
Por isso, vamos trabalhar.
O resto a gente vai arranjando.

*
*

Sem comentários: