quinta-feira

Isto enquanto tento acabar um livro...



Eram cinco e meia da manhã.
Cinco e meia, mais coisa menos coisa quando o Nuno acordou e lhe disse: Ainda não dormi...
Adormeci um bocadinho depois, até me tocarem à campainha para fazerem a contagem do gás.

Não estava aborrecida, preocupada, chateada, agitada, nada.
Só não dormia.

E hoje ando outra vez a pisar nuvens...

*
*

1 comentário:

gralha disse...

Coragem, está quase quase quase :)