sexta-feira

Happy days!



Andei aqui um dia e meio a estremecer, (qual estremecer, a tremer como varas verdes) porque na quarta recebi um prefácio de economia, escrito por um notável jornalista da nossa praça, para traduzir para inglês. Para sexta.
Oi?
Economia? Para inglês?
Ai, que não sou capaz e vou fazer uma merda de trabalho! Ai que me dói tanto a barriga!

Pois bem, gostava de ser sempre assim; com medo de não conseguir acabar agarrei-me ao trabalho como gente grande e pumbas, consegui acabar antes do prazo chegar ao fim!

No fundo, isto ensina-me uma ou duas coisas: 1 - que quando saio da minha zona de conforto, daquilo que faço normalmente, ainda fico insegura e por isso dedico-me muito mais ao trabalho; e 2 - se tiver a cabeça no lugar, se me dedicar, se começar a trabalhar sem muitas considerações teóricas, consigo fazer TUDO! E bem!
Esta sensação é impagável.
Hoje estou de bem com o mundo, de bem comigo!
E está sol!!

*
*

1 comentário:

Naná disse...

Não há nada melhor do que trabalhar sob pressão. Damos sempre o melhor de nós :)