quinta-feira

Buraquinhos, Traças e Coiso...


De há uns anos a esta parte, tenho sido assombrada com o mistério dos buraquinhos nas camisolas...
Eu explico.
Já não têm conta as camisolas e tops que deixei de usar e mandei para o lixo porque me apareceram uns buraquinhos naquela zona do umbigo, talvez uns três centímetros abaixo. Ora, como na maior parte das vezes uso as fivelas dos cintos de lado, não podia dizer que as camisolas ficavam presas nas fivelas e zás!, eis os buraquinhos.
Decidi então que devia ter traças no armário e que as cabronas escolhiam sempre o mesmo sítio da roupa para dar umas trincas. (Sim, eu sei...) Comprei daquelas ceninhas da Raid ou coisa que as valha para acabar com as traças do roupeiro, mas as camisolas e tops continuavam a aparecer esburacaditos. Ainda por cima logo ali à frente, em cima da barriga, onde não dá para remendar sem que se veja...
Pois no outro dia deslindei o mistério.
Aqui a taralhouca encosta a pancinha a tudo quando é superfície. Quando estou a cozinhar, encosto a barriga à bancada e o mesmo se passa quando estou no lava-loiça, quando corto vegetais, enfim, sempre que estou na cozinha. Quando estou a trabalhar, encosto-me à secretária (truque intemporal para ficar com as costas direitas) e quando estou a lavar os dentes, a maquilhar-me, a pintar as unhas, encosto a supra citada à bancada de pedra da casa de banho. Quando os tecidos ficam entalados entre o botão das calças e as bancadas...
Ei-los que aparecem! Os buraquinhos.

É triste, eu sei...

*
*

3 comentários:

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

hehe... pelo menos descobriste o problema! Pobres traças que morreram e não eram culpadas.. :P

Ana C. disse...

Padeço do mesmo drama, mas concluí que é só nas t-shirts merdosas (que são todas). Os tecidos não duram.

Ana. disse...

Agora é ver-me de avental quando estou na cozinha!!