sexta-feira

Ao Trabalho!

;)


Uma pessoa ouve falar da crise a toda a hora, sente a crise quando vai ao supermercado, à bomba de gasolina, à farmácia, teme a crise quando ouve dizer que as editoras começam a poupar nas publicações e tem medo do futuro...
Eu trabalho como freelancer, passo recibos verdes e se não tiver trabalho, não recebo. Simples, não é?
Simples, com muitos aspectos positivos, mas um pouco assustador na conjuntura actual do país.
Devo dizer que desde que acabei a faculdade nunca estive sem trabalhar - tirando os dois meses do verão imediatamente a seguir - os livros sempre se sucederam a um ritmo agradável, mais ou menos fácil de gerir e só não fiz mais por falta de tempo ou manifesta falta de organização.
Mas sempre tive medo de um dia ficar sem trabalho, e continuo a ter. Gosto demasiado do que faço para ficar sem ter o que fazer e como toda a gente, preciso de trabalhar, que as minhas contas não se pagam com sorrisos.

Por isso, é difícil de explicar a alegria que sinto ao encontrar mais um livro na caixa do correio.
Dá-me vontade de trabalhar, de produzir, de ignorar as dores de ombros, de costas e de cabeça e meter dedos à obra!!(Tão bem metida esta!!)

Nada é mais motivador do que trabalho novo a chegar. Nada!

E agora, ala que se faz tarde e eu tenho umas "traduçõeszitas" para fazer!!

*
*

Sem comentários: