terça-feira

Em Época de Partilha, Espeto de Coiso!


Durante muito tempo achei que era extremamente egoísta.
Mas a verdade é que o meu egoísmo não se reflecte a nível material.

Quando ia à loja e o senhor Madeira me dava um chupa-chupa eu dizia obrigada e a seguir pedia um para o meu irmão. Quando chegava a casa, dava mesmo o chupa-chupa ao meu irmão, não ficava com ele para mim.

Já não têm conta as camisolas, casacos, cachecóis, brincos e sei lá mais o quê, que dei porque alguém me disse: - Oh, que lindo!
Não me custa nada dar coisas. São só objectos.
Além de que se me apetecer compro outros!
E gosto da sensação de oferecer, de fazer alguém feliz com um simples gesto.

O meu egoísmo reflecte-se a nível de emoções.

As pessoas que eu amo são só minhas.
Ninguém as ama mais do que eu.

O Nuno tem muitas pessoas que gostam dele, mas ele é o MEU amor mais lindo.
A minha melhor amiga até pode ser amiga de mais pessoas, mas é a MINHA melhor amiga.

Categorizo as pessoas consoante os meus afectos e custa-me partilhá-las com os outros.
Custa-me saber que pode haver afectos mais intensos, mais abnegados que os meus.
E custa-me sobretudo quando sinto que um dia eles podem não ser correspondidos.
Não consigo imaginar nada pior do que gostar de gente que não gosta de nós.
Aterroriza-me pensar que as pessoas que amo e que me amam também, um dia possam deixar de sentir o amor que hoje julgo ser intemporal.
Não sei se é o medo de ficar sozinha, se é apenas um forte sentimento de posse.

Por isso, não acho agora que esta dificuldade em partilhar afectos seja egoísmo puro.

Quando temos alguma coisa mesmo valiosa a tendência é protegê-la e acarinhá-la.


Deve ser isto que eu sinto.


*

*




7 comentários:

Melissinha disse...

Para já deixa-me dar-te os parabéns por esta prendola de Natal que ofereceste à nossa querida Anacê e aos seus míopes olhos.
Achei gira a tua confissão. Eu, por acaso, só sou egoísta de afectos com os meus homens - os quatro - e lixo-me, porque são homens muito dados, cheios de outras pessoas. Grrr!
De resto, com os amigos principalmente, sou muito vive-e-deixa-viver. A minha melhor amiga, por exemplo, é a mesma melhor amiga desde o 10º ano. Mas o nosso convívio vai e vem conforme os interesses de cada uma... Às vezes encontramo-nos no meio do caminho.
Basicamente a minha amizade pelas pessoas muda muito pouco, mas a convivência, essa é um bocado por ciclos.
(Independentemente do convívio, estou sempre presente em grandes ocasiões, boas ou más.)
E pronto, depois deste tratado sobre a amizade, desejo-te um grande natal junto aos teus amores maiores e indisputáveis :), já vi que és das minhas e gostas de ver gente feliz à tua volta, a abrir prendas, a comer e a beber bem. Que seja assim a noite de 24.
O resto, desejo depois.

Ana C. disse...

AI QUE MARAVILHA, QUE DELEITE VISUAL!!!!!! Agora sinto-me tremendamente convencida e importante, com um misto de sentimento de posse e afecto muito grandes :)
Tu és leoa e partindo do princípio que acreditas pelo menos em parte destas tretas astrológicas, as leoas protegem as suas crias com unhas e dentes sim.

Ana. disse...

Mel, eu não sou capaz de libertar os afectos como tu. Gosto de ter tudo bem por baixo da asa!

Feliz Natal para ti também, com o afecto dos que estão cá e dos que estão lá...

;)

Ana. disse...

Minha pitosguinha querida (aka Anacê)!

Ainda bem que gostas, porque eu ainda não estou convencida!!
Esta cor faz-me lembrar gelados, crepes e cremes... coisas perigosas, portanto!

A ver se isto fica assim muito tempo!

Um grande grrrr para ti!

;)

Princesa Tagarela disse...

...podia dizer te muita coisa...mas estou demasiado lamechas...

Sei que quando o que sentimos é especial a tendência sim, é proteger e mais, NUTRIR...quando nutrimos os sentimentos eles perduram pela imensidão intemporal...é assim a história que nos une e é assim nos afectos (realmente importantes) que vamos encontrando pela vida fora!!

O teu texto é uma confissão de receio de quem muito ama...

MARIINHA disse...

Olá Ana., espero que tenhas tido um NATAL FELIZ. Eu só hoje consegui um tempinho para visitar alguns blogues dos amigos.
Aproveito para te desejar tudo de bom no Novo Ano que nos está aí a bater à porta.
Beijinhos

Joanissima disse...

Tu és tão maravilhosamente linda.... : )