segunda-feira

Nem Sempre Sou da Minha Opinião*

Pôr-do-sol em Braga, num lugar especial...

Ultimamente dou por mim a ter pensamentos absolutamente contraditórios sobre coisas que a certa altura considerei indiscutíveis.
Penso não só no presente mas também no futuro. Cada vez mais.
Questiono tudo e mais alguma coisa. Todas as convenções, todos os princípios, todas as decisões.

E não sei se um dia mais tarde me vou arrepender de fazer ou não fazer.


* Vi esta afirmação algures na Net e senti imediatamente que me definia.

*
*

10 comentários:

Melissinha disse...

É das maravilhas dolorosas de se ser humano, a dúvida.
E arrepender-se, ao contrário do que se pensa, é uma capacidade excelente - pelo menos na minha opinião.
(E para que não te sintas sozinhas, eu não faço O MENOR SENTIDO. Sou incoerente a maior parte do tempo e mudo com o vento. Dei grandes mancadas na minha vida e envergonho-me de muita coisa, mudaria outras tantas. Mas nada disso importa, porque todas elas, aos trancos e barrancos, trouxeram-me até aqui.)

Joanissima disse...

Uma vez disseram-me que só os sociopatas não mudam de ideias.

Considera-te cheiinha de saude mental!!

E (cada vez mais) linda!!!

Ana. disse...

Melissinha, neste momento dúvida is my middle name!...
;)

Ana. disse...

Joanissima, cheiinha, cheiinha não diria, mas o meu maior medo é que a lucidez chegue tarde de mais...
É esquisito.

;)

Já viste como o meu cabelo cresceu em quatro ou cinco meses?!!

Ginguba disse...

Olá!
Desculpa a invasão mas adorei esta frase e apeteceu-me dizê-lo!
Além disso adoro Braga!Já trabalhei aí e tenho Tio e priminhos queridos que vivem em Braga!(Fiquei com saudades)
:)

Ana. disse...

Olá Ginguba!
Não há o que desculpar!
A frase não e minha e também a adorei!
Volta sempre!
;)

Melissinha disse...

Na dúvida, faz!

Lebasiana disse...

este seria um TITULO PERFEITO para o post que acabei de publicar! já somos duas!

jinhos

Arisca disse...

É uma citação de Paul Valéry ;)

*Bons ventos!

Ana. disse...

Obrigada Arisca, não sabia!

;)