segunda-feira

Dot The Is and Cross The Ts

Imagem tirada da Net




Esta coisa dos blogues e dos comentários é engraçada...
Ainda no outro dia me perguntavam por que razão não comentava mais e há algum tempo pediram-me satisfações por não verem os comentários enviados devidamente publicados...

Ora vamos lá a ver se a gente se entende.

Ponto número 1:

Eu vou lendo os cantinhos que mais me chamam a atenção (que são aqueles ali do lado direito) e quando tenho tempo, faço breves incursões por cantinhos desconhecidos.
Quando acho que alguma coisa merece mesmo as minhas palavras comento. Quando acho que não é esse o caso, é muito simples... não comento.
(Peço desculpa, mas eu hoje acordei assim, a valorizar muito as minhas palavras, ou por outras palavras, uma arrogante de m€rda.)

Por outro lado, gosto de comentar nem que seja textos simples, quando sinto alguma afinidade especial com o autor, mas nem assim faço da bela arte de mandar postas de pescada uma regra.

É isto que espero dos meus (três - atenção ao upgrade, há pouco tempo eram só dois!) leitores! Uma sinceridade intelectual a toda a prova.


Ponto número 2:

Ao contrário do que possa parecer, publico quase todos os comentários que recebo.
Quase... porque estabeleci algumas excepções.

a) Não gosto de publicar publicidade. Quando quiser visitar determinado blogue, vou lá de livre e espontânea vontade, não porque alguém andou a "plantar" links na caixa de comentários.

b) Chamem-me fascista, mas não dou tempo de antena a pessoas que me deixam comentários a dizer que estou errada e que devia "repensar a sua maneira de pensar porque seria certamente mais feliz" (happy now?)

WTF??
Então e desde quando é que para ser "mais feliz" a minha maneira de pensar tem de coincidir com a maneira de pensar de A ou B? E quem é este (ou esta) doutorada em felicidade para me dizer a mim que podia ser mais ou menos feliz?

E já que estamos nisto, é impressão minha ou o blogue é meu? Não será legítimo que registe nele aquilo que me apetecer pensar? Quem não quiser ler não lê; que não ando aqui a obrigar ninguém, nem a deixar links para me virem visitar.

E só mais uma sugestãozinha de nada:
Quando se dá palpites sobre a vida e personalidade das pessoas, é de bom tom assumir a sua própria identidade, não vá o visado pensar que está a ser criticado por um "Anónimo" qualquer.
Assim, sempre dá ao comentado a oportunidade de conhecer melhor tamanho ícone da moral e bons costumes.

(Pausa para respirar e contar até 10)

Ainda ponderei fazer este texto ou não, porque de certa forma é contraproducente.
Afirmo que não quero dar tempo de antena a gente intrometida, mas acabei de o fazer.
Porque fico furiosa. E na impossibilidade de mandar dois berros ao insistente especialista, não me resta outra alternativa senão fazer-lhe a vontade, para ver se desencana.

Por isso, espero que esteja contente! Estou cá para isto mesmo, para realizar sonhos!


E podem continuar a comentar à vontade, porque neste canto esquizofrénico censura!
E quem não gostar só tem dois trabalhos, vir e ir embora.

Com os cumprimentos da gerência


*
*

6 comentários:

Miguel disse...

Concordo contigo!! Eu modero comentários mais para não lhes perder o rasto do que outra coisa, mas confesso que já apaguei alguns!! Só não publico os que são abertamente ofensivos porque, de resto não me importo que as pessoas discordem de mim. Contudo, é como tu dizes, um blog é uma parte de nós e escrevemos o que queremos!! Por isso, quem não estiver bem, mude-se!!

Ana. disse...

Ó Miguel, não é tanto por discordarem de mim, é mesmo pela indelicadeza que é mandar bitaites deste tipo, sem se identificarem e sem haver a mínima empatia entre as pessoas...

;)

Princesa Tagarela disse...

"arrogante da merda" ??????

Permita me discordar... diria uma OBSTINADA repleta de CHARME... :D

Princesa Tagarela disse...

...e quem não quiser...


..........

Coma só as batatas!!!!!

Naná disse...

Já vale a pena, andarem a dar opinações desopinadas... acho muito bem que apliques o devido correctivo! Ainda para mais se não é capaz de se identificar!
Eu por acaso não modero os comentários (são tantos, mas tantos... que eu morria de tédio se tivesse que os moderar!) mesmo também porque ainda não precisei de o fazer.
Até agora não me calhou nenhum doutorado em felicidade e dono da verdade!
Fazes bem, continua assim, porque pessoas e frontais é algo que já vai escasseando!

Andrei@ disse...

Miga, espero que tenhas contado comigo nos teus leitores frequentes. Pois apesar de pouco comentar, leio o teu blogue religiosamente! Acho muito bem que faças deste espaço o teu espaço, ou não eras tu a pessoa que eu conheço e tanto admiro!Bjs e abraços e agora vou trabalhar!