sexta-feira

Da Ternura



O sentimento que mais me comove é a ternura.

Aquela ternura que vem no dicionário: ternura s.f. 1 afecto brando e carinhoso; 2 disposição para os sentimentos suaves; 3 meiguice.

Porque faz parte de todos os outros sentimentos genuínos: do amor, da amizade, da compreensão, do respeito.
Nada tem um efeito mais apaziguador que um abraço apertado e ternurento, daqueles em que nem é preciso falar porque só a proximidade entre os corpos, só o sentimento que está implícito já diz tudo.
Quando um dia se avizinha difícil, não há nada mais revigorante que ler:"Mais uma festinha para teres coragem... Já falta pouco. Beijo grande".
Quando uma amiga nos telefona só para dizer que somos capazes de tudo, que não há quem nos derrube, isso é ternura.

Por "sentimento brando" não entendo leve, superficial, mas sim meigo e gentil. Nem sempre me apetece sentir o arrebatamento do amor, a fúria avassaladora da paixão, o fogo ardente do desejo. Às vezes valorizo mais a meiguice, as palavras suaves, os gestos carinhosos que não deixam de ser manifestações de amor de paixão ou de desejo, só que num registo mais calmo, mais sereno, menos avassalador e por isso, acho eu, mais durável.

Os gestos ternos levam-me às lágrimas. Ok, já toda a gente sabe que sou uma chorona de primeira, mas isso não quer dizer que todas as lágrimas tenham o mesmo significado. As lágrimas da ternura são mais de agradecimento do que outra coisa qualquer. Perceber que há quem se preocupe realmente connosco e saber que os nossos afectos são reconhecidos e compensados é uma sensação plena.

E ver que o amor se manifesta das mais variadas formas, nos mais variados registos, mas sempre com a mesma ternura aquece-me o coração e faz com que nunca me sinta sozinha.

Mesmo quando estou horas intermináveis isolada.

3 comentários:

Banita disse...

E pronto já temos a nossa aninhas de volta com este texto tão bonito!
Back on track!
Festinhas, miminhos, beijinhos e abracinhos!

Ana. disse...

Tás a ver? Tanta ternura!!
;)

Anónimo disse...

intiresno muito, obrigado