sexta-feira

Ghostbuster!



Tudo bem que não é a imagem da Virgem Maria numa tosta mista, nem o semblante carregado de Jesus numa nuvem, ou tão pouco o perfil do Cristiano Ronaldo numa brasa da lareira, mas este fantasminha feito de Vaqueiro que apareceu na minha frigideira quando me preparava para cozer um belo Spaghetti Bolonhese é assustador.
Não me deixei enganar pelo seu ar simpático, pelo sorriso malandro nem pela forma redondinha e anafada com que se apresentou.
Não me deixei enganar porque sei bem qual era a intenção dele... Sim que ainda elas vêm no ar e já eu estou a apanhá-las!

O que este mafarrico queria dizer era qualquer coisa do tipo:

- Ah pois é! A enfardar massa desidratada cheia de molho, gordura, queijo e conservantes! Porque é que não comes uma massinha fresca com um bifinho grelhado e umas gotas de limão? Depois é ver-te fazer queixinhas porque tudo o que devoras se acumula no mesmo sítio do teu corpo!

O cabrão do fantasma!

Lá porque ando a comer como se não houvesse amanhã, não lhe dou o direito de mandar bitaites sobre os sítios do meu corpo onde há mais ou menos acumulação de nutrientes... Eu desgasto bem! Faço muito exercício e até já consigo vestir (e apertar) aquelas calças da Mango que me estavam apertadas - e não, não foi a ganga que alargou!

Resolveu-se o problema num instantinho: aumentei o lume do fogão e bye-bye fantasminha! Vai lá azucrinar o juízo a outra! Que eu sou mais eu!

A massa? Bem, estava uma delííííícia!!


Nota: Só me coloco a seguinte questão: quando é que a minha consciência se transferiu para um borrão de margarina?...

2 comentários:

Princesa Tagarela disse...

...e por falar em Virgem Maria...abençoado quem inventou as massas desidratadas...e ainda quem as compras às pargas... :DDDD

;)

Restelo disse...

ahahahaha