quinta-feira

Azelhice do Dia...




Quando ando mais aflita de trabalho e tenho, por isso, de trabalhar mais depressinha, tenho o péssimo hábito de emperrar em algumas letras ou palavras.
Posso tentar escrevê-las dezenas de vezes que continuam a sair mal; só lá vou de corrector ortográfico!

Já tive a incapacidade de escrever "livro" porque me saía sempre "lovro";
Já tive a incapacidade de escrever "insistir" porque escrevia sempre "inistir"- Na verdade, agora mesmo verificou-se esta falta de habilidade, já que a primeira versão de "insistir" foi escrita de-va-ga-ri-nho e a versão incorrecta é que saiu de rajada.

Pois bem, a azelhice do dia é não uma, não duas, nem três palavras, mas sim qualquer palavra que contenha o sufixo "mente". Qualquer advérbio de modo que se preze, hoje sai, invarialvelmnete mal escrito! (Eu avisei!)
Já desisti de me irritar com isto.
A sério.
Atirei com a toalha ao chão e aceitei as minhas limitações!

Resta-me o consolo de que amanhã é um novo dia e portanto, a miríade de azelhices disponíveis é, como sempre, admirável!

3 comentários:

Joanissima disse...

Isso acontece-me a toda a hora... E isso não é azelhice... é cansaço mesmo!

Beijos (e descansa!!!!)

Ana. disse...

Pois é, Joanissima, mas por ter descansado mais uma hora e meia do que devia (levantei-me às oito e meia em vez de às sete) já estou a tripar da cabeça!

Só vou poder descansar para a semana!

Bêjos!

ZapporssoN_81 disse...

Lolol.Isso acontece-me tantas vezes! As vezes fico com a sensação que algo está mal mas n sei dizer onde.
Francamente acontece-me mais quando escrevo no computador...
à mão é mais fácil, sai naturalmente